11 3121 2888
Lech
PROMOÇÕES:
. Aguarde!

Fundada por imigrantes suíços no século 14, que deixaram como legado uma linda igreja medieval que segue como o principal cartão-postal da região, Lech é um charmoso vilarejo cortado pelo rio de mesmo nome, um afluente do Danúbio, onde vivem cerca de 1.500 habitantes.

Seu centrinho, capitaneado pela Hauptstrasse (rua principal), é ladeada por ótimos hotéis, lojas e restaurantes com lindas vistas da montanha de Omeshorn. Exatos quatro quilômetros a separam da cidadezinha de Zürs, recheada de cênicas construções brancas com varandas de madeira, casas de pouco mais de uma centena de pessoas. Juntas, as duas vilas cobrem uma área de 90 quilômetros quadrados e são a base da mais elegante estação de esqui da Áustria, na região de Vorarlberg (um cantinho do país espremido entre as fronteiras coma Suíça e a Alemanha).

É tudo exclusivo por aqui – a lista de restaurantes premiados é longa, bem como a de hotéis cinco estrelas; a neve é fininha e abundante; e até o acesso às montanhas é controlado, para evitar filas e superlotação. Seus 122 quilômetros de pistas de esqui são palco de descidas lendárias protagonizadas tanto por campeões olímpicos quanto por celebridades. Tom Cruise e a rainha Beatrix da Holanda engrossam a lista do jet-set que desfila em clima low-profile ano após ano pela região, que se orgulha de já ter recebido até mesmo o príncipe Charles e a princesa Diana em seus domínios.

O domínio: A estação de Lech-Zürs faz parte da região de Alberg, que inclui St. Anton, St. Christoph e Stuben, totalizando mais de 280 quilômetros de pistas, 85 meios de elevação (incluindo alguns lifts com cadeiras aquecidas) e 180 quilômetros de trilhas para a prática do esqui fora de pista. O Alberg Card dá acesso a todas elas.

Gastronomia: Algumas das opções na montanha em Lech são: Hotel Murmeli Restaurant de comida austríaca refinada, especialidades internacionais e ótimos vinhos. Mohnenfluh serve sopas, diversos tipos de pastas e um incrível strudel caseiro. O Alter Goldener Berg, restaurante gourmet, serve fondue, especialidades da Áustria e ingredientes selecionados da região de Vorarlberg. Burgwald de comida tipicamente austríaca com ótimas sobremesas caseiras. Cresta, um mix de comida asiática, austriáca e italiana, tem como especialidade a batata Rösti preparada de diversas maneiras. O restaurante do Sonnenburg Hotel, serve comida regional e internacional, utilizando produtos da região com toques exóticos. Logo ao lado há o Creperie Schuena, serve uma seleção de crepes, fondue e raclette. Já em Zürs algumas das opções são Bergrestaurant Seekopf que serve snacks e especialidades austríacas, restaurante do hotel Enzian, cozinha internacional, especialidades austríacas e fondue e o Schroffli Alm com comida tradicional austríaca, entre outros.

COMO CHEGAR A LECH

. Aéreo: Brasil / Insbruck
. Transfer: Innsbruck / Lech – 120 km
. Aéreo: Brasil / Zurique
. Transfer: Zurique / Lech – 196 km
. Aéreo: Brasil / Munique
. Transfer: Munique / Lech – 250 km

A MONTANHA DE LECH

. Temporada: Dezembro a Março
. Base: 1.450 metros | Topo: 2.444 metros
. Pistas:
. Iniciantes: 39% | Intermediário: 48% | Avançado: 13%
. Meios de elevação: 47

ONDE FICAR EM LECH

Kristiania
KRISTIANIA

Todos os seus exclusivos 29 quartos são individualmente decorados em estilo art nouveau, e cada um foi inspirado em uma cultura diferente que variam de influências asiáticas à francesas de Maria Antonieta. Localizado a cinco minutos das pistas, dos lifts e do centro da vila. Possui dois restaurantes, um bar, adega e uma aconchegante “sala da lareira”. O Bar & Lounge, tem um piano de cauda Steinway para entretenimento noturno. Oferece uma sauna, sala de relaxamento, tratamentos de massagens, e inclusive tratamentos no próprio quarto. Os pequenos são bem acolhidos no hotel, com uma programação especial para eles, além de oferecer serviço de baby-sitter. Em Lech a observação de cervos é uma experiência a parte – um contato direto com a natureza alpina. O hotel providencia tudo: confortáveis almofadas, binóculos Swarovski e champanhe!

 

GOSTOU DESSA VIAGEM? FALE CONOSCO!